ArcelorMittal - Coqueria

A ArcelorMittal Tubarão é uma unidade de produção integrada de aços planos, localizada na Região Metropolitana da Grande Vitória (ES), na região Sudeste do Brasil. Com capacidade de produção anual de 7,5 milhões de toneladas de aço em placas e bobinas a quente, emprega diretamente cerca de 5,4 mil pessoas e outras 5,1 mil indiretamente. Sua localização, junto a um complexo logístico que inclui infraestrutura portuária, ferroviária e rodoviária, favorece a disponibilidade de insumos e matérias-primas, assim como o transporte de produtos para os mercados interno e externo.

 

Com uma cultura corporativa focada no compromisso com o desenvolvimento sustentável, é uma das líderes entre os fornecedores de aço de alta qualidade e ocupa posição de vanguarda em Gestão Ambiental e é referência na Gestão de Recursos Humanos, com destaque para as ações de desenvolvimento profissional e de promoção da Saúde e Segurança.

 

Junto com a unidade de Vega, instalada na Região Sul do Brasil, Tubarão faz parte do Grupo ArcelorMittal, maior produtor de aço do mundo. As duas plantas atendem ao segmento de aços planos produzindo placas, bobinas a quente, laminados a frio e galvanizados, comercializados para os mercados interno e externo. É um processo integrado que resulta em um amplo mix de aços.

 

Destaques:

  • Capacidade instalada de produção de 7,5 milhões de toneladas de aço/ano;
  • 3º maior produtor brasileiro de aços planos laminados;
  • Possui Sistema de Garantia da Qualidade com Certificado ISO 9001-2000, desde 1996; Sistema de Gestão Ambiental com Certificado ISO 14.001, desde 2001; e Sistema de Gestão da Saúde e Segurança com Certificado OHSAS 18001, desde 2005;
  • Os indicadores de Saúde e Segurança estão entre os melhores do mundo, com taxa média de frequência da ordem de 0,6, incluindo empregados diretos e indiretos;
  • É benchmarking em gestão ambiental na indústria do aço;
  • Desde 1999, é autossuficiente em energia elétrica, gerando 115% da energia necessária à sua produção a partir do aproveitamento de gases do processo produtivo e sem consumir óleo combustível;
  • Possui um dos menores índices de consumo industrial de água doce do Brasil, devido aos sistemas que garantem taxas de recirculação superiores a 97%;
  • Seu índice de reaproveitamento de resíduos gerados no processo produtivo é superior a 89%.
Atividade: 
Horário: 
terça-feira, 12 Setembro, 2017 - 08:00 to 12:00